Quando falamos sobre desafios e oportunidades do setor hoteleiro no Brasil, nos referimos a uma categoria que ainda está sofrendo as consequências da pandemia.

No entanto, começamos a ver sinais de uma leve recuperação no setor. Além disso, algumas projeções já indicam que existe uma evolução, porém lenta, e que vai se estender por alguns anos pela frente.

Desafios do setor hoteleiro no período pandêmico

É inegável que a indústria hoteleira foi uma das mais afetadas pela pandemia de COVID-19.

Hotéis foram fechados por incontáveis meses, e em alguns outros, foram abertos apenas os restaurantes para atender via delivery, com o objetivo de não fechar as portas.

Quando começou a retomada das atividades em 2020, os números de contágio voltaram a aumentar, e com isso, houve novos decretos, e novas restrições foram estabelecidas para conter os problemas no país.

Desta forma, sabemos que irá demorar um certo tempo para que os hotéis voltem a ter as taxas de ocupação e os lucros de antes da pandemia, ainda mais pelo fato de estarmos enfrentando uma crise econômica no nosso país, o que causa um impacto direto no turismo.

A projeção é que só em 2024, o setor comece a vislumbrar os lucros similares aos do ano de 2019.

Já no que diz respeito a pandemia, espera-se que com o atual adiantamento das campanhas de vacinação no país, as pessoas saiam mais e busquem também passeios e viagens dentro do Brasil, consequentemente, movimentando a economia local.

O caminho para as novas oportunidades

No atual momento, após o alto número de pessoas vacinadas no Brasil, o setor hoteleiro começou a ter uma melhor recuperação, pois houve uma maior circulação de turistas brasileiros viajando pelo próprio país. Isso se deu por causa do fechamento de grande parte das fronteiras internacionais, impossibilitando que turistas brasileiros viajassem para o exterior.

Isto de certa forma volta a aquecer o turismo doméstico e os setores hoteleiros, que devem receber maior visitação de turistas pelo menos até o ano de 2022, fazendo com que haja uma recuperação gradual no setor.

Apesar de a economia estar prejudicada no atual cenário brasileiro, alguns empreendimentos ainda conseguem ver certo crescimento e oportunidades mesmo que em ritmo lento e com mais cautela.

No mais, algo que os executivos estão vendo com mais clareza, é que a recuperação do setor hoteleiro está em curso, mas ainda não para todos.

Aprendizados para o setor hoteleiro

Com tudo isso, o que sabemos é que é necessário tirar aprendizados através dessa situação.

Se formos olhar sob a ótica do setor de turismo de lazer, existe uma força que foi ganhando mais espaço nesse período, que é o mercado doméstico. Muitos brasileiros que viajavam para o exterior começaram a redirecionar suas viagens pelo país.

Desta forma, foi aberta uma oportunidade para os segmentos econômicos, como é o caso da hotelaria de luxo. O brasileiro, dessa forma, poderá finalmente conhecer os melhores lugares e os incríveis destinos do seu país.

Através deste período, o setor hoteleiro pode se especializar e conquistar maior eficiência operacional e investir em tecnologia. Além disso, também houve o aumento de reservas diretas e maior gerenciamento das receitas.

Por fim, esperamos que ao decorrer dos meses até o início de 2022, comecemos a vislumbrar melhoras mais efetivas no setor e, que se consiga avançar ainda mais apesar das adversidades.

Gostou do nosso artigo? Se você deseja conhecer mais sobre os nossos serviços e ficar por dentro de todas as informações sobre o setor de hotelaria, entre em contato com a gente através do nosso site.

error: Reprodução parcial ou total deste conteúdo não é permitida