Ser um hotel pet friendly significa hospedar animais de estimação na companhia dos seus tutores, com toda a estrutura adequada para o bem-estar dos humanos e dos animais.

O Brasil é o segundo país do mundo com a maior população de cães e gatos e poder viajar com os pets é uma necessidade que também está em alta.

O hotel que oferece esse serviço diferenciado certamente fechará um número maior de reservas, desde que mantenha a estrutura necessária para acomodar a todos com qualidade e conforto.

Você sabe o que é necessário para que um hotel seja pet friendly? Descubra neste post, através de seis passos essenciais.

6 passos para se tornar pet friendly

Oferecer alternativas de lazer e um ambiente receptivo para os animais é uma das características desejadas em um hotel pet friendly. Fonte: DoDogs

Alguns hotéis dizem ser pet friendly, mas na verdade eles apenas “aceitam” animais, o que é bem diferente, pois há muitas restrições e limitações impostas ao animal e ao seu dono. A seguir, você verá o que é necessário para se tornar um hotel pet friendly de fato.

  • Planeje

Você decidiu que deseja se tornar um hotel acessível para animais de estimação. Mas, antes de tudo, é preciso fazer um rigoroso planejamento e reorganização do espaço para receber esses bichinhos visando o bem-estar do animal e a satisfação do seu dono.

Será preciso decidir quais animais serão recebidos, bem como o porte deles já que existem cachorros de tamanhos diversos, por exemplo. Além disso, quais documentos serão exigidos para a hospedagem segura dos animais e dos demais hóspedes? A carteira de vacinação é um desses documentos e é essencial.

Também é preciso pensar na área de circulação que será disponibilizada para os animais, na alimentação oferecida, nas acomodações e na questão da limpeza. Todas essas e muitas outras questões devem ser listadas e analisadas cuidadosamente.

  • Defina as suas regras

O segundo passo é fazer a definição das regras de aceitação dos animais. Elabore um regulamento ou manual com o que é ou não permitido. O documento deve estar à disposição dos hóspedes e também dos funcionários.

Apresente o regulamento e a característica pet friendly do hotel a todos os futuros hóspedes já no ato da reserva para evitar qualquer tipo de constrangimento futuro. Não esqueça daqueles que não estão acompanhados de pets. É importante preservar a boa convivência entre todos que circulam no local.

Disponibilize o regulamento no site e também na sua forma física, na recepção do hotel para fácil leitura de quem desejar saber mais sobre o assunto. Se possível, distribua entre os hóspedes uma cópia do documento para as consultas necessárias.

Ainda falando sobre informação, avise aos seus hóspedes sobre possíveis restrições à presença de animais em alguns ambientes da cidade como praias, restaurantes e shoppings e outras dicas que julgar importantes.

  • Prepare o seu estabelecimento

É hora de colocar em prática tudo o que foi planejado no primeiro passo, tomando todas as medidas elaboradas para receber os animais e seus tutores. Faça as reformas necessárias, instale redes e cercas de proteção e remova as plantas que podem ser tóxicas aos pets.

Caso os animais passem a dormir no quarto junto com seus donos, prepare um local confortável para eles. Alguns hotéis adotam um canil como dormitório. De qualquer forma, mantenha o lugar confortável, limpo e organizado.

A higienização do local onde os animais circulam é um item que exige bastante atenção. Lembre-se de instalar caixas de areia para as necessidades fisiológicas. Do lado oposto, ponha potinhos com água e ração. Espalhe caminhas para o descanso, arranhadores para os gatos e brinquedinhos para os cães.

O piso deve ser, preferencialmente, frio e não coberto com tapetes. Aliás, escolha um piso que seja fácil de limpar. Por fim, tenha por perto itens de emergência como medicamentos, fraldas, tapetes higiênicos entre outros.

Antes de começar a receber os seus novos hóspedes, tenha a certeza absoluta de que tudo está conforme a necessidade deles. Lembre-se que os animais são tão hóspedes quanto os humanos e merecem todo o conforto que o seu hotel puder oferecer.

  • Treine seus colaboradores

É extremamente importante que a sua equipe de trabalho trate os animais com a mesma educação e cuidado com que trata os humanos. Não adianta o hotel passar a imagem de amigo dos bichinhos enquanto o funcionário acha aquilo tudo uma bobagem e faz o oposto.

Além dos treinamentos constantes com foco na relação dela com os animais, é importante que a equipe conheça todos os serviços direcionados a eles para que possa informar, tirar dúvidas e orientar os demais hóspedes.

  • Ofereça serviços extras

Para incrementar a hospedagem e se destacar, uma dica é fazer parcerias com pet shops, adestradores, cuidadores e outros profissionais da área. Podem ser oferecidos passeios ao pet, brincadeiras, um pacote de cuidados higiênicos, alimentação diferenciada e muito mais.

Uma forma de identificar carências e necessidades dos animais e dos seus donos, é através de uma enquete ou uma pesquisa sobre os serviços prestados e sobre o que pode ser melhorado. Fique de olho nos comentários nas suas redes sociais e, diante de alguma insatisfação, analise o que pode ser feito para aperfeiçoar o trabalho realizado.

  • Divulgue seus serviços

Depois de se adequar corretamente a todas as exigências para se tornar um hotel pet friendly é hora de divulgar o seu mais novo serviço. As redes sociais cumprem um papel fundamental nesse trabalho, principalmente porque atingem um grande número de pessoas e de todos os lugares.

Use os perfis do hotel no Instagram, Facebook e o site para divulgar essa novo serviço. Peça a autorização dos seus hóspedes e divulgue fotos deles em momentos de lazer, de alegria. Poste depoimentos e avaliações e esteja sempre disposto a solucionar problemas e atender às reclamações.

Como a maioria dos seus visitantes vem de outras cidades, a internet é uma peça chave na divulgação do seu hotel já que é um meio acessível a todos, tem baixo custo e é uma das principais fontes de informação para quem está planejando uma viagem.

Selo pet friendly

Viajar levando junto o animal de estimação já é uma prática recorrente entre as famílias.

Existe no Brasil um selo que classifica os hotéis que oferecem serviços diversos para os bichos de estimação que viajam com seus tutores. A certificação foi criada pelo Portal Turismo 4 patas, especialista em conteúdo sobre passeios e viagens de famílias com seus pets.

O selo pet friendly certifica aqueles hotéis com estruturas e serviços específicos para os bichinhos. O hotel que desejar receber a certificação deve pagar um valor e, claro, atender a alguns critérios como parcerias com pet shops e veterinários, possibilidade de o animal dormir no mesmo ambiente em que o dono etc.

A ideia é identificar e destacar aqueles estabelecimentos que realmente sabem acolher os animais que viajam com seus donos, que possuem condições reais de recebê-los, acomodá-los e tratá-los como verdadeiros hóspedes e não apenas aceitar a presença deles no local.

A certificação inclui um manual de orientações, treinamento para a equipe e a divulgação do hotel no site do Turismo 4 patas.

Como podemos ver, o setor de hospedagem está passando por muitas mudanças. Se antes os hotéis não cogitavam a possibilidade de receber animais ou não o faziam por medo de perder clientes, hoje a situação é bem diferente. Muitos estão se tornando hotéis pet friendly.

A razão está na grande procura por meios de hospedagem que acomode com qualidade e carinho não só a família, mas também o animal que a acompanha e que há tanto tempo é considerado um dos moradores mais amados do lar.

Se você gostou do assunto abordado neste artigo, compartilhe-o com aquele amigo que adoraria receber esta informação. Confira mais matérias interessantes no nosso site e deixe nos comentários as suas sugestões.

Gostaria de receber dicas como essa em seu email?


Inscreva-se em nossa newsletter!

Por favor, verifique o seu email para confirmar a inscrição