A decoração de um hotel ou pousada – seja ela vintage ou clássica – diz muito sobre a identidade desses estabelecimentos. Sem contar que também estamos falando de um dos mais importantes cartões de visitas para seus clientes.

Afinal, os hóspedes estão sempre buscando um local tranquilo para se sentirem confortáveis, a fim de desfrutarem de bons momentos.

E estilos de decoração para isso não faltam. Assim como profissionais super especializados no assunto. Mas dentre as tendências mais comuns implantadas pelo ramo hoteleiro, destacam-se as decorações de estilo clássico, vintage e retrô.

Antes de entendermos a diferença entre eles, vale salientar que a decoração de um hotel não está só ligada a aparência dos quartos. O cuidado deve ser levando em conta também com relação aos demais espaços, para que todas as áreas sejam agradáveis e belas como as suítes.

Quarto que apresenta uma mistura de decoração vintage com retrô.

Qual a diferença entre as decorações clássica, vintage e retrô?

Os três estilos citados são muito comentados em programas e reportagens de TV voltadas ao assunto, por exemplo. São discutidos também em revistas e blogs especializados na internet. Mas você saberia nos dizer o que, na verdade, caracterizam esses estilos de decorações? E quais seriam as diferenças entre eles?

Pois então, apesar de muitos conhecidos, as decorações clássica, vintage e retrô podem ser confundidas entre si. Sendo assim, vamos apresentar cada uma delas detalhadamente a seguir.

Decoração clássica

O estilo clássico surgiu na Antiguidade, com suas origens no período grego e romano, justamente quando evidenciava-se a elegância, requinte e sofisticação. Por isso, tem como uma das características mais marcantes a presença de rebuscamento nas linhas e formas de objetos e mobiliários.

A decoração clássica pode ser classificada como atemporal. Ela sugere espaços amplos e altos para receber mobiliário e peças decorativas vistosas. Esses espaços se fazem necessários também pelo fato dos objetos oferecerem muito relevo, curvas, formas e imagens para o ambiente.

Para espaços pequenos, deve-se dar apenas um toque do estilo, a fim de não deixar o ambiente exagerado.

Exemplo típico de uma decoração clássica em um quarto de hotel.

Na paleta de cores, encontramos um equilíbrio tênue entre tons mais claros (creme, verde, cinza e amarelo) ou em tonalidades mais escuras, o que traz uma pitada de clima dramático ao ambiente.

Os materiais nobres são os favoritos. Para elementos decorativos, o estilo clássico abrange peças como livros, lustres, almofadas, arranjos florais, espelhos, molduras ornamentadas, talheres de prata, abajures em seda e candelabros.

Almofadas, espelho e lustre: alguns dos exemplos encontrados na decoração clássica de um quarto.

Nos dias de hoje, a decoração clássica pode vir acompanhada de elementos modernos e contemporâneos. Assim, teremos o que é chamado de decoração em estilo clássico moderno ou contemporâneo.

A decoração clássica para um quarto de hotel combina muito para casais em lua de mel. E também para hóspedes com conceitos mais tradicionais e que se rendem a um ambiente requintado.

Outro exemplo de decoração clássica.

Decoração Vintage

O estilo vintage tem como princípio básico a decoração antiga em sua essência, sem adaptações ou alterações para os tempos modernos. Em resumo, a palavra vintage tem o significado de quanto mais antigo for um objeto, mais valioso ele se tornará.

Esses objetos, que serão os utilizados na decoração de um quarto de hotel, são aquelas peças originais e autênticas de época encontradas em antiquários. Normalmente, elas são datadas dos anos 1920 aos anos 1960 e conferem uma grande sensação de aconchego e de conforto nos ambientes.

Aqui podemos ver um quarto simples utilizando a decoração vintage.

Na decoração vintage podemos encontrar móveis como penteadeiras e molduras (tanto de quadros quanto de espelhos). Itens como cristaleiras, cabeceiras e abajures são opções incríveis também. Assim como os quadros de parede. Peças vintages ficam bem se combinadas com peças artesanais, como patchwork e tricô.

Os móveis clássicos vintage têm forma arredondada e tons mais apagados, como o rosa antigo, branco ou dourado. O chão e a parede podem ser cobertos com tons pastéis texturizados ou com materiais que remetam à madeira, por exemplo.

Poltronas vintages dão um toque especial ao ambiente.

Em resumo, o vintage não busca a ostentação. Mas, sim, o charme, romantismo, nostalgia e originalidade. O cuidado fica por conta de não se exagerar e acabar sendo criado um cenário do passado ou um ambiente temático. A dica, então, é mesclar peças vintages com contemporâneas, garantindo assim uma ótima harmonia.

O estilo vintage costuma atrair um público de meia idade que possui uma paixão pelo antigo. Casais nessa faixa etária sentem-se muito à vontade em acomodações desse estilo, pois esse público se interessa por feiras vintages típicas que ocorrem em grandes cidades.

Nesse quarto podemos encontrar muitas peças características do estilo vintage.

Decoração Retrô

Se na decoração vintage os objetos são aqueles originais de época, na retrô utiliza-se uma releitura produzida na época atual de itens das décadas anteriores. Principalmente dos anos 70 e 80. É aí que está a grande diferença entre ambas, muitas vezes confundidas como sendo a mesma coisa.

Mas é importante citar que no estilo retrô também utilizam-se objetos originais dessas duas décadas citadas. Falamos de uma tendência dinâmica e visualmente impactante, que oferece um tom lúdico ao ambiente. Enquanto o vintage dispõe de um tom mais sóbrio. O perfil retrô ainda é classificado como algo “cool”.

O tom lúdico da decoração retrô está caracterizado nesse quarto.

A decoração retrô sugere uma mobília mais baixa, alongada, com pernas longilíneas e pontiagudas à vista. Seus sofás e poltronas caracterizam-se por serem arredondados e possuírem pés cromados.

Como referência da paleta de cores tipicamente retrô, temos as tonalidades sólidas e fortes, como o laranja, verde, vermelho, amarelo, azul, cor de rosa e lilás. A combinação de cores, como o preto, branco e vermelho é muito comum também em um ambiente retrô. Para um efeito mais soft, cores mais neutras, como branco, bege, creme, cru e castanho-claro.

O estilo retrô costuma brincar bastante com a tonalidades sólidas e fortes das cores.

A decoração retrô, assim como a vintage, chama muito a atenção das pessoas de meia idade e também dos mais jovens. Principalmente aqueles que vivenciaram os anos 80. Ela vem sendo bastante utilizada em hostels pelo mundo, que abrigam justamente esse tipo de hóspede.

Modelo de quarto com móveis em estilo retrô.

Agora que você já conhece as diferenças entre os estilos de decoração vintage, clássica e retrô, aproveite para comentar qual deles é o seu preferido. E compartilhe também com a gente outras informações a respeito desse assunto, caso já tenha se hospedado em algum hotel ou pousada com essas características.

Gostaria de receber dicas como essa em seu email?


Inscreva-se em nossa newsletter!

Por favor, verifique o seu email para confirmar a inscrição