O serviço de uma camareira é de extrema importância para manter os apartamentos e as suítes de hotéis, pousadas e motéis em ordem. E, por consequência, o bom funcionamento do próprio estabelecimento.

Essas profissionais são responsáveis pela limpeza diária dos quartos, higienização dos banheiros, troca das roupas de cama e toalhas e a conferência dos itens do frigobar, repondo aquilo que já foi consumido de um dia para o outro.

As camareiras ajudam também na limpeza e organização das áreas comuns de hotéis. E ainda circulam e complementam seus afazeres na lavanderia. Em resumo, elas responsabilizam-se pelo bem-estar dos hóspedes em seus apartamentos.

Esse é um trabalho que requer muitos cuidados, pois deve haver um certo zelo pelos objetos pessoais dos hóspedes e respeito pela maneira como esses clientes gostam ou não de encontrar seus aposentos após chegarem de um passeio, reunião ou trabalho.

Ser camareira requer muitos cuidados e paixão pela profissão.

Quanto ganha uma camareira?

O salário médio de uma camareira, assim como em qualquer segmento profissional, também depende da sua experiência profissional, tempo de serviço e o tamanho da empresa em que ela trabalha. Soma-se a isso o fato das diferenças existentes entre os vários nichos de hotéis.

Há hotéis em grandes cidades preparados para receber empresários e demais trabalhadores, por exemplo. Há cidades que basicamente recebem somente turistas. E tantas outras que mesclam sua clientela.

Isso sem contar a existência de excelentes resorts espalhados pelo Brasil. Enfim, são questões que devem ser levadas em consideração.

O Sine (Site Nacional de Empregos) oferece uma média de ganhos de uma camareira considerando justamente os fatores citados. Confira a seguir esses números para cada um dos níveis profissionais:

Porte da Empresa Trainee Júnior Pleno Sênior Máster
Pequena R$ 987,03 R$ 1135,09 R$ 1305,35 R$ 1501,15 R$ 1726,32
Média R$ 1184,43 R$ 1362,10 R$ 1566,42 R$ 1801,38 R$ 2071,59
Grande R$ 1421,32 R$ 1634,52 R$ 1879,70 R$ 2161,66 R$ 2485,91

É importante salientar que essa é uma média salarial praticada pelo mercado em geral. Isso significa que existem ganhos menores ou superiores aos apontados. É tranquilamente possível encontrar camareiras que recebam um salário mensal acima de R$ 3 mil, por exemplo.

Como deve ser a postura profissional de uma camareira?

Independentemente do tamanho ou do estilo do hotel, uma camareira deve sempre manter sua ética e seu comprometimento profissional. Não se trata de uma função qualquer, muito menos fácil de ser executada.

Os hóspedes raramente têm contato com essas profissionais. E agradecê-las pelo serviço prestado não é uma atitude comum. Muito pelo contrário. A chance de receberem reclamações na recepção, que serão repassadas para seu superior, é bastante viável.

Por isso, uma camareira deve gostar muito do que faz, estar sempre motivada e treinada para o serviço.

Outras características que estão diretamente ligadas à postura profissional de uma camareira são: bom relacionamento com os colegas de trabalho e superiores, pontualidade, simpatia, higiene pessoal e o uso de uniforme completo e limpo.

Ainda podemos citar que as profissionais devem evitar se apoiar em móveis e paredes, não devem deixar objetos de trabalho jogados pelo quarto ou banheiro e devem ter responsabilidade de sobra pelas chaves dos andares que estiverem sob sua custódia.

Algumas profissionais mais experientes conhecem os atalhos para tratar bem um hóspede. Muitas baseiam-se em pequenos detalhes que possam fazer a diferença no momento de agradar um cliente. E para manter esse tipo de comportamento é preciso gostar de fato daquilo que faz.

A postura profissional para uma camareira é muito importante.

Como é a rotina de trabalho e quais cuidados essa profissional deve ter?

O dia de trabalho de uma camareira deve seguir um padrão rotineiro. Ele tem início logo pelas primeiras horas da manhã e se estende pelo dia todo através de turnos.

Antes de seguir para sua tarefa principal, que é a limpeza e a organização dos quartos, as profissionais devem separar todos os instrumentos a serem utilizados para evitar perda de tempo e vaivém desnecessário.

O mesmo serve para seu desempenho dentro de uma suíte ou apartamento. Não há tempo a perder. Principalmente em hotéis grandes, com muitos quartos. No caso de um quarto desocupado, a rapidez tem de ser total, pois outro hóspede pode estar aguardando a liberação do local. Isso vale bastante em caso de motéis.

Para os especialistas, o mais importante é que o trabalho seja feito de forma metódica e organizada. Isso faz com que as tarefas possam ser cumpridas de maneira adequada e no tempo certo.

Uma das rotinas que podem ser seguidas inicia-se pela limpeza de banheiros e lixeiras. Na sequência, realiza-se a troca de lençóis e toalhas, a arrumação da cama e o abastecimento do frigobar. Além da renovação de itens como sabonete, shampoo e papel higiênico.

O número de camareiras em um dia de trabalho varia de acordo com a categoria do hotel. Para a Associação Brasileira de Governantas, em hotéis de padrão executivo, a proporção é de uma camareira para 16 apartamentos. Nos hotéis de luxo há uma para cada grupo de 9 a 12 apartamentos.

Essas profissionais devem se atentar a muitos cuidados durante um dia de trabalho. Separamos os mais importantes. Vejamos:

  • Evitar conversas e ruídos no corredor do hotel, pois sempre há hóspedes dormindo ou descansando;
  • Não trabalhar com rádios e ar-condicionado ligados dentro dos quartos;
  • Não fumar durante a limpeza e higienização dos quartos;
  • Não usar o telefone dos apartamentos nem telefone celular particular;
  • Não deixar material de limpeza nos corredores do hotel e demais dependências;
  • Nunca comer ou beber produtos deixados na suíte pelo hóspede;
  • Objetos esquecidos ou deixados pelos clientes devem ser entregues para a supervisão;
  • Os cuidados para não danificar paredes, revestimentos, torneiras, frigobar, decoração ou qualquer outra instalação dos quartos devem ser extremos;
  • Nunca usar roupa de cama ou de banho para limpar o apartamento;
  • Não jogar sujeira no vaso sanitário ou ralo;
  • Fazer a separação correta da roupa de cama e das toalhas, de acordo com as regras da empresa, para serem levadas até a lavanderia;
  • Cuidados com possíveis acidentes de trabalho devem ser seguidos à risca;
  • Manter a organização pessoal e o uniforme limpo e bem alinhado, assim como os cabelos presos;
  • Qualquer dúvida no momento de uma arrumação, consultar o(a) encarregado(a) direto(a).

E se você tiver outras informações sobre a rotina, cuidados ou sobre o quanto ganha uma camareira, compartilhe com a gente através dos comentários.

Gostaria de receber dicas como essa em seu email?


Inscreva-se em nossa newsletter!

Por favor, verifique o seu email para confirmar a inscrição